Do fundo do baú

A viagem para resgatar o passado não é ligeira e não tem pressa para chegar

Em 1967, a Viação Itapemirim dava uma importante guinada em suas operações, que já alcançavam regiões e cidades longínquas. Para atender seus serviços, um novo modelo de ônibus foi adquirido pela transportadora. Assim, o O-326, produto que então era recém-lançado pela Mercedes-Benz no mercado brasileiro, fora o escolhido para a renovação e ampliação da frota da empresa capixaba.

O monobloco O-326 foi apresentado em 1966, sendo que a Itapemirim, grande cliente da marca, foi a escolhida para testar o protótipo do modelo, percorrendo 148 mil quilômetros em 150 dias. O resultado foi muito favorável, sendo que a sintonia entre ambas empresas pode ser comprovada com a aquisição dos primeiros 50 veículos dessa versão pela operadora.

Aliás, o O-326 era o primeiro ônibus da Mercedes-Benz desenvolvido, especialmente, para as viagens em longas distâncias, sendo equipado com um motor mais potente, layout interno que privilegiava o conforto e um desenho externo atrativo em termos de linhas estéticas.

Imagem – Acervo Tony Belviso

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *