Voith lança seu VEDS para novas aplicações

A fabricante ainda ressalta que seu conceito suporta sistemas de bateria de uma ampla gama de fabricantes e ainda é habilitado para uso em trens de força de veículos elétricos com célula de combustível

A Voith Turbo divulgou, recentemente, seu novo sistema de acionamento elétrico denominado VEDS, com a versão MD (serviço médio), opção que proporciona 260 kW de potência e torque máximo de 2.850 Nm. A tecnologia foi projetada para ônibus com peso de até 19 toneladas, otimizada para o uso urbano.

Em linhas gerais, como explica a Voith, o VEDS vem equipado com um poderoso motor de ímã permanente, resfriado a água, com um inversor de alta eficiência, sendo que não há necessidade de uma transmissão separada, resultando em um efeito positivo na disponibilidade e consumo de energia, alcance e emissões de ruído. A integração entre todos os componentes do sistema é um destaque, com a combinação que permite um funcionamento eficaz – desde os componentes de hardware, como o motor elétrico, inversor de tração e distribuidor de alta tensão, até os componentes de software, como sistemas de controle de acionamento e de gestão de energia.

A fabricante ainda ressalta que seu conceito suporta sistemas de bateria de uma ampla gama de fabricantes e ainda é habilitado para uso em trens de força de veículos elétricos com célula de combustível. Com um projeto compactado, o VEDS não requer nenhum espaço de instalação adicional no chassi equipado com motores de combustão.

Comparada com a versão existente HD (serviço pesado), o novo motor MD é 50 kg mais leve, o que permite um maior alcance. Hoje, o motor IPMS (HD) é mais potente, com 340 kW e torque máximo de 3.100 Nm, idealizado para uso em ônibus com dois pavimentos e articulados com mais de 26 toneladas, adequado também para perfis de direção interurbanos. A fabricante de ônibus, Wrightbus, por exemplo, foi a primeira a optar por integrar a mais recente opção de motor na segunda geração de seus veículos elétricos a bateria (BEV) e elétricos por meio de células a combustível (FCEV) para a Europa.

A melhor maneira de viajar de ônibus rodoviário com segurança e conforto

Ônibus movido a biometano, por Juliana Sá, Relações Corporativas e Sustentabilidade na Scania

Posts Recentes

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.