Pioneirismo em diversas frentes

De acordo com a Flixbus, o hidrogênio oferece grandes oportunidades de operação (distância entre partida e destino), porque poderá atingir a faixa necessária

A FlixMobility, que recentemente anunciou sua chegada ao Brasil por meio de parcerias entre a Flixbus e as empresas de ônibus rodoviários no sistema de linhas regulares, revelou sua iniciativa de fomentar serviços de transporte com o reduzido impacto negativo ao meio ambiente, participando de um projeto de pesquisa (HyFleet) que visa introduzir a tecnologia da tração elétrica com as células a combustível no transporte rodoviário de passageiros na Europa.

A inovadora empresa, em parceria com as marcas Freudenberg Fuel Cell e-Power Systems e ZF Friedrichshafen AG, teve autorização do governo alemão para iniciar o desenvolvimento de um sistema de célula a combustível de alto desempenho para ônibus de longa distância. A FlixMobility planeja testar e lançar seus ônibus movidos a hidrogênio (tração elétrica) no tráfego rodoviário até 2024 na Europa, para estabelecer novos padrões de viagens.

De acordo com a empresa, o hidrogênio oferece grandes oportunidades de operação (distância entre partida e destino), porque poderá atingir a faixa necessária (500 km) ou até mais, entre as cidades, e os tempos de reabastecimento serão tão curtos quanto os de um ônibus a diesel. Um passageiro pode emitir 26 gramas de CO² quilômetro rodado. Numa viagem entre cidades distantes 600 km, o peso por pessoa chega a 15,6 quilos de CO². E, com a tecnologia do hidrogênio verde, não havendo emissões equivalentes nas viagens.

Segundo, André Schwämmlein, fundador e CEO da FlixMobility, fazer parte do projeto HyFleet para desenvolver o primeiro ônibus de longa distância movido por células a combustível da Europa traz uma grande satisfação para os seus negócios. “A tecnologia de energia da célula a combustível faz parte da revolução da mobilidade verde e dá aos produtores de ônibus a chance de moldar o futuro da mobilidade sustentável. Com este projeto, continuamos nosso caminho de fornecer mobilidade sustentável e acessível a milhões de pessoas. Estamos totalmente alinhados com o objetivo de neutralidade de carbono da União Europeia e da Alemanha. É ótimo ver que o governo alemão reconhece a necessidade do setor de transporte para acelerar a sua descarbonização”, disse.

Imagem – Divulgação

A melhor maneira de viajar de ônibus rodoviário com segurança e conforto

Ônibus movido a biometano, por Juliana Sá, Relações Corporativas e Sustentabilidade na Scania

Posts Recentes

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.